Sobre Ricardo Banega

Meu nome é Ricardo Pérez Banega, nasci em Montevideo e morei 25 anos em Buenos Aires, agora faz 15 que moro em Curitiba.

Meu nome é Ricardo Pérez Banega, nasci em Montevideo e morei 25 anos em Buenos Aires, agora faz 15 que moro em Curitiba.

Trabalho em forma continua para duas importantes sociedades médicas.

A seguir coloco alguns dos meus clientes e meus trabalhos mais importantes.

Tradutor português espanhol na Sociedade Brasileira de Cardiologia e na Associação Brasileira de Otorrino.

Tradução dos Arquivos Brasileiros de Cardiologia

Tradução da revista mensal do Departamento de imagem da Soc. Bras. de Cardiologia

Tradutor para Hospitalar Feira+Fórum

Tradução de um manual de Otorrino com 4 mil páginas e dois milhões de palavras em 120 dias.

Tradução de manual de Vedacit, 800 páginas.

Manual de caminhão Ford, 3500 páginas

Tradução de livro sobre a Lava Jato, 350 páginas

Tradução e legendas de 25 horas de video de medicina para Medcel.

Tradução de livro sobre as cotas para negros nas universidades, 400 páginas.

Como escolher um tradutor

Quando você procura um tradutor na internet vai encontrar duas alternativas, uma empresa de tradução grande ou pequena ou um tradutor individual. Vejamos as vantagens e desvantagens de uma e outra. Uma empresa tem 5, 10 ou 20 tradutores que serão nativos ou não, e como em qualquer atividade humana mais e menos capacitados. Seu trabalho dependerá da sorte, isto é, da qualidade ou não da pessoa que faça sua tradução. Isso sem considerar que se seu texto é muito grande vão dividi-lo entre três ou quatro tradutores com a lógica perda de consistência no vocabulário. Também não terá contato diretamente com o tradutor para fazer algum comentário ou sugestão sobre seu texto. Da mesma maneira o tradutor desconhece quem é o cliente e se tiver dúvidas as deve resolver sozinho sem poder pedir a opinião do cliente, quem naturalmente conhece bem o assunto do texto a ser traduzido. Por último, mas não menos importante, uma empresa tem uma estrutura, funcionários administrativos, despesas com local, publicidade, etc. Esses custos logicamente vão inclusos na tradução.

Vejamos agora o tradutor individual, você tem contato com ele desde o primeiro momento, conversa sobre seu trabalho, dá suas opiniões, seus esclarecimentos e negocia o preço diretamente com o tradutor que vai considerar o volume, o grau de dificuldade, etc. para estabelecer um preço justo. No decorrer do trabalho o tradutor vai ter seu e-mail, seu telefone para esclarecer as dúvidas que possam aparecer, fazendo com isso uma tradução sólida, precisa e confiável realizada por uma única pessoa o que garante coerência do começo ao fim.

Finalmente você saberá que meu nome é Ricardo Pérez Banega, que sou nativo de Buenos Aires e que faz anos que trabalho para a Sociedade Brasileira de Cardiologia entre outros clientes.

Enquanto à minha capacidade de trabalho devo mencionar que já traduzi quatro volumes de 1000 páginas cada um para a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia em um prazo de 120 dias.

Espero seu contato para uma consulta sem compromisso.